quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo - Benjamin Alire Sáenz


Título| Aristóteles e Dante Descobrem os Segredos do Universo
Autor| Benjamin Alire Sáenz
Editora| Seguinte (Brasil)
Páginas| 392

Comecei e terminei este livro num só dia... e que boa companhia! Faz muito tempo que arrastava a vontade de o querer ler, por conta das expectativas. Toda a gente falava bem e eu tinha muito medo de me desapontar. Foi isso que aconteceu? Não! Deparei-me com um dos melhores livros da minha vida.

Primeiro que na verdade nunca tinha chegado a ler a sinopse e por isso sempre pensei que a história envolvia uma viagem, uma road trip... algo desse género. Sabia sim que um dos temas mais presentes era o relacionamento homossexual e pouco mais sabia. Mas é muito mais do que isso!

Este livro é sobre amizade. Maioritariamente sobre o amor entre amigos e como é difícil deixar-mos que alguém entre no nosso mundo. É sobre relacionamento familiar, sobre auto-descoberta, sobre aceitação... Esta história é uma compilação de "abanões" que nos fazem refletir sobre pequenas coisas da vida, sobre "pequenos segredos do universo", aos quais normalmente não damos importância.

Aristóteles e Dante têm uma relação invejável, e refiro-me à relação de amizade. Ao companheirismo entre eles, ao respeito, à preocupação, à vontade de agradarem um ao outro... Foi simplesmente incrível acompanhar o crescimento deles, a mudança de sentimentos e a dificuldade de os perceber e aceitar.

Dante é um menino incrível. Adorava poder tê-lo como amigo, sem dúvida alguma. É um doce, super sincero, genuíno, bondoso, alegre... Já Ari é o contrário... e eu vi-me tanto nele. Problemas em aceitar que gosta de estar sozinho, mas na verdade não gosta da solidão; não perceber o significado da sua existência mas não querer perder tempo a pensar nisso; não gostar de falar sobre o que sente mas desabar sobre a confusão que vai lhe na alma, na mente e no coração... Acho que nunca encontrei outro personagem no qual me refletisse tanto.

Todos os personagens são fantásticos. Acompanhamos duas famílias bastante diferentes, mas ambas perfeitas à sua maneira. Quem disse que os pais têm que ser chatos? Que não podem compreender os filhos? Durante todo o livro eu adorei os 4 pais que aqui aparecem, mas os últimos capítulos fizeram com que os admirasse ainda mais. Este livro marcou-me de maneiras que nunca pensei serem possíveis e sem dúvida que recomendo a qualquer um. Aristóteles e Dante descobriram o segredo da felicidade e partilharam-no comigo!

Beijinhos

5 comentários:

  1. Te digo que o título não desperta em mim o desejo da leitura, mas pela resenha vejo que estou perdendo um ótimo livro, nem sabia qual assunto abordava.
    Obrigada pela dica.

    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  2. aaaa, como faço com a minha vontade de ler esse livro pra ontem? Sua resenha só me deixou mais curiosa, kkk
    Já vi muita gente falar mega bem desse livro, tenho certeza que não irei me decepcionar, que venha a black friday!! hahaah
    Beijos!


    https://estantedakahofc.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  3. Oi Jéssica eu sempre tive muita curiosidade se compraria ou não esse livro e agora você me vem trazendo a resenha dele com tantas opiniões positivas que não vejo outra forma a não ser lê-lo, além do mais a capa é fantástica!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Oi, Jéssica! Também ouvi muitos comentários positivos sobre esse livro e desde então estou bem curiosa para conferir. Ainda mais por conta da amizade, das descobertas sobre o amor e a vida, parece ser bem envolvente. Sua resenha está linda, vou anotar a sua dica. Bjss!

    ResponderEliminar
  5. Olá,
    Eu sou loucura para ler esse livro. Ainda não tive a oportunidade para compra-lo e assumo que procurei não saber sobre o que se falava, para ficar ainda mais curiosa. Gostei bastante da sua resenha, porque tem assuntos que eu não sabia que o livro tratava.
    Bjs
    Delírios Literários da Snow

    ResponderEliminar