quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

[Conversas Literárias] - Como lidar quando descobres que a tua autora favorita não é a tua autora favorita?

Confusos? hahahaha Não sabia mesmo que título dar ao post então escrevi o pensamento que me passou pela cabeça, que foi exatamente esse. Mas vamos lá desenvolver o assunto se não vocês vão achar que eu sou maluca (não que já não haja provas disso, mas...) hahaha

Todos temos autores favoritos certo? Há medida que vamos lendo livros que nos arrebatam, que nos prendem, que nos despertam sentimentos extremos, nós vamos colocando-os nos favoritos, e normalmente dizemos que o autor que escreveu essa mesma história, é nosso favorito. Daí algumas pessoas terem uma lista enoooorme de autores favoritos.

Mas o que significa afinal quando dizemos que um autor é favorito? É aqui que a coisa se complica. Para que um autor seja nosso favorito basta escrever uma única obra que gostemos ou temos que gostar de tudo aquilo que escrevem? Penso que neste ponto tem tudo a ver com a interpretação pessoal de cada um de nós. No meu caso, sempre tive em mente que para um autor ser nosso favorito isso quer dizer que nós lemos e gostamos de tudo (exceto rara exceção) que eles escreve e foi na semana passada que, já não me lembro bem porquê, me debrucei realmente sobre esta questão.
Quando me perguntavam qual era o meu autor favorito costumava responder prontamente J.K. Rowling. Mas será verdade? Dei voltas e voltas e cheguei à conclusão que não. J.K. escreveu a minha série favorita - Harry Potter - no entanto, as outras obras dela não me chamaram a atenção - Uma Morte Súbita, nem li ainda - ou li e não dei mais de 3 estrelas - Quando o Cuco Chama. Então como pode ela ser a minha autora favorita? 

Comecei a fazer uma enumeração de autores que eu gostava e a pensar se já tinha lido mais que uma obra deles, se gostava de tudo, etc E conclui que os meus autores favoritos do momento são Paula Pimenta e Stephenie Meyer. Tudo o que li desta duas mulheres maravilhosas eu favoritei. É caso para dizer que até à lista de compras delas eu daria 5 estrelas. Mas ficou aquele pensamento de tristeza porque andei metade da minha vida enganada.

Custa até admitir para mim própria que "J.K. Rowling não é a minha autora favorita. Escreveu a minha série favorita e adoro tudo o que escreve sobre esse mundo, mas o resto não. Acho-a uma pessoas maravilhosa mas... não é a minha autora favorita.". Mas a vida segue ahahaha  O que vocês têm a dizer sobre isso? O que é para vocês um autor favorito e quais são os vossos?

Beijinhos
Facebook Instagram | Twitter | Skoob | Goodreads | Tumblr | Snap: @jessinhacruz95

4 comentários:

  1. Oiiii Jess!
    Gostei do seu post viu! Eu também passei uma parte da minha vida enganada. hahah
    Quando li Belo Desastre da autora Jamie Mcguire, eu cheguei a conclusão (precipitada) de que ela era minha autora favorita, mas com o passar do tempo eu enjoei das obras dela.

    As autoras que moram no meu coração e são de fato minhas favoritas são Meg Cabot (que ainda não li todas as obras, pois são inúmeras, mas pretendo lê-las um dia) e a Jane Austen, que infelizmente viveu a 200 anos atrás e já não pode mais publicar aquelas maravilhas que só ela conseguia escrever. =)

    http://vicioseliteratura.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  2. Acho que ainda não descobri quais os meus escritores preferidos, agora acho que posso dizer que é a Kiera Cass e a Stephenie Meyer, mas ainda não li o suficiente para decidir bem :)

    ResponderEliminar
  3. Olá!
    Eu também sinto o mesmo... Ela é e não é a minha autora favorita. É pelo mundo e pelos livros de Harry Potter, que adoro. Mas a escrita dela não é das minhas favoritas e as outras obras dela não me chamaram à atenção de todo.

    ResponderEliminar